Para ouvir (Aperte play)

Amar você

pura e simplesmente

como uma criança

quando tudo é novidade

Amar intensamente

Amor e amar




Linda história e inesquecível...
O sol e a Lua

Inesquecível...O Sol e a Lua...

sexta-feira, 15 de janeiro de 2010

QUISERA


Quisera meu amor sem infinito e pudesse mante-lo no meu mundo de sonhos moldados acorrentados em minhas mãos.
Quisera senti-lo como o calor do sol atravessando anos luzes, sem morrer ou perder as forças ao ultrapassar meu corpo.
Quisera vive-lo sem abismos, sem freios, livre, absorvendo-o como o ar que se respira.
Quisera que ao fim de tudo perdurasse sem limites, sem rumo e mesmo no depois estendesse as mãos e me conduzisse aos seus braços.
Quisera aprender a caminhar sem os teus olhos guiando-me.
Quisera aprender a sorrir sem a tua palavra fazendo-me feliz.
Quisera aprender a ter esperança sem tua sombra ensinando-me a viver.
Quisera...
Quisera aprender e não aprendo nada por que tu não estás comigo.
Quisera eu tudo e agora não tenho nada.



21/08/2009 (Poeta desconhecido)

Nenhum comentário:

Postar um comentário