Para ouvir (Aperte play)

Amar você

pura e simplesmente

como uma criança

quando tudo é novidade

Amar intensamente

Amor e amar




Linda história e inesquecível...
O sol e a Lua

Inesquecível...O Sol e a Lua...

segunda-feira, 17 de maio de 2010

Cativo


Os pássaros voam traçando o céu da fria alvorada
Não há pouso aos largos deste desconsolo
Não há raio entrando pelas fendas...
O sol se faz covarde perdido dentre horas e dias
Sobre a janela há um olhar petrificado
Ouvido que aguarda em sentinela o suave sonoro
Ao final do bailar dos pássaros
Ah... Doces contentos...
O verde balouçar dos galhos
E as lindas flores que de outrora pareciam sorrir
Singelas
Dá lugar ao farfalhar de folhas secas que caem ao chão
Ouve-se um suspirar
Batidas de um temeroso coração
Mãos trêmulas sobre o papel
Decifrando em rabiscos
Quanto ao rumo da seta às plumagens do livre volátil...
Lágrimas pendem-se nos olhos
Pois não mais haverá alvorada
Estas sob jaula
Estático
Fazendo-se cativo
Tendo as chaves de libertação
Fixadas às mãos

Nenhum comentário:

Postar um comentário