Para ouvir (Aperte play)

Amar você

pura e simplesmente

como uma criança

quando tudo é novidade

Amar intensamente

Amor e amar




Linda história e inesquecível...
O sol e a Lua

Inesquecível...O Sol e a Lua...

sábado, 6 de março de 2010

MEUS VERSOS...





Ah meus versos...
Quão tristes são meus versos...
Contentes se vão...
Diante a tua privação
Triste vazio é o regresso
Por meu infindo amor inconfesso
Quão tristes são meus versos...
Nasceram de ti,
crepitantes olhos
Qual sol poente ao final do dia
Quão tristes são meus versos...
Ao oculto dos teus olhos
Esvanecem-se
E jazem solitários a vagar
Dentro de mim
Lastimam-se a chorar
Por saudades de ti

2 comentários: