Para ouvir (Aperte play)

Amar você

pura e simplesmente

como uma criança

quando tudo é novidade

Amar intensamente

Amor e amar




Linda história e inesquecível...
O sol e a Lua

Inesquecível...O Sol e a Lua...

sábado, 13 de março de 2010

Embriaguez





Tens o dom de inquietar meu coração.
Às batidas descompassadas.
De entorpecer minha emoção
Aos pensamentos desvairados
Ao enlear-me os olhos e sentidos nas páginas de você.
Menino levado.
Homem intrigante.
O que és tu afinal?
Qual mundo é este que tu habitas?
Pelo qual sigo labirinto à terra desconhecida.
Uma miragem a turvar-me as retinas.
Um fantasma a atormentar-me das fantasias.
Há em ti...
Ouvidos? Confesso dos meus desejos...
Mãos? Repouso dos meus seios...
Boca? Sacio absorto dos meus beijos...
Maior corpo ao meu? Vigor por sob meu despido arfar...
Delírio escaldante,
Desígnio alucinante,
Suor sobre a pele a me queimar.
Vício sedento a me transtornar.
Dose de excitação a me embriagar.
És tu
Minha ardente loucura
Onde não há abstinência
Ao que devo me conformar
Que deste vício jamais estarei sóbria

Nenhum comentário:

Postar um comentário